Minutos de Fama Distribuição

Blog

VAGAS ABERTAS PARA AGENTES PUBLICITÁRIOS

 

A Minutos de Fama distribuição pretende recrutar pessoas dispostas a trabalhar como agentes publicitários, responsáveis capazes de planejar de campanhas de divulgação nas redes sociais, blogues, panfletos para promover os serviços da www.minutosdefama.net ou seja ir ao encontro dos clientes e abordar sobre os serviços até convence-la a usar os serviços por meio do seu código de agente.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

  • Curriculum Vitae
  • Copia do B.I ou copia do passaporte
  • Copia do n° IBAN
  • Foto tipo passe
  • Ficha de inscrição do agente publicitário - devidamente Preenchida

Caso esteja interessado baixe a ficha de inscrição, leia o termo de contrato, caso estiver interessado então preenche e envie para: minutosdefama@yahoo.com  ou pelo whatsapp + 244 924240376

 

 

INTERNAUTAS AGUARDAM A RESPOSTA DA CANTORA JESSICA PITBULL " SE ESTÁ PROMOVENDO O SEU CORPO INTIMO

 

 

 

Depois varias polémicas a Jessica Pitbul a kudurista de momento lançou mais uma outra bomba de polémica durante a actuação num show em Viana onde acabou por afirmar em palco que "o seu órgão genital pertence a todos os homens que estavam no espectáculo" isso causou grande indignação por parte do público que estiveram presente no espectáculo a maior parte do público feminino que não aprovaram o comportamento da cantora.

O vídeo vazou nas redes sociais onde a kudurista continua a ser vitima de muitas criticas e os internautas questionam se a Jessica Pitbull  "Se está promovendo o seu corpo intimo ou da sua carreira musical ".

Numa das suas entrevistas no blog bwevip, a Jessica Pitbull afirmou que o seu sonho é casar com um homem do guetto alegando que estes são bem suculentos e mandam mais fogo.  Revelou também que não pretende apaixonar-se por nenhum famoso tudo porque todos eles já são casados

O público internauta a maior parte feminino espera a resposta da cantora o mais rapidamente possível 

 

PRINCIPAIS ERROS QUE DEMONSTRAM QUE A VOTAÇÃO DO ANGOLA MUSIC AWARD 2017 FOI UM FRACASSO

 

Depois de muitos rumores sobre a premiação do concurso Angola Music Awards 2017, um evento que premeia os melhores músicos do ano em varias categorias, que neste ano foi realizado no dia 17 de Junho de 2017 no pavilhão Arena do Kilamba, onde se fizeram presente varias figuras de renome da nossa praça musical e não só.

No dia da entrega de prémios foi constatado muita insatisfação de vários convidados e rumores do publico sobre a nomeação e indicação de Prémios do Angola Music Awards 2017, na qual levantaram-se rumores de que houve muitos erros na entrega dos prémios nos artistas que não deveriam ganhar e deixando de fora os mais destacados no mercado.

Por isso a www.minutosdefama.net decidiu investigar e apurar alguns erros que originaram no fracasso da votação do público na qual começamos a citar:

1 – SISTEMA DE VOTACAO VIA ONLINE

Segundo o sistema escolhido pela organização para a votação foi na plataforma do AMA (www.angolama.com) e na rede social Facebook em “Angola Music Awards”

A votação na plataforma complicou-se devido a situação da crise conjuntural que o País enfrenta a maioria do público não teve coragem de comprar saldo de dados para votar na plataforma da AMA, afirmam alguns dos jovens entrevistados que reclamam que tinham muita vontade de votar mas por se tratar de voto electrónico preferiram abster-se.

Votação via facebook na pagina @angolamusicawards

A votação no facebook não foi muito credível devido a falta de um sistema de controlo eficaz dos votos porque é muita gente votando e seria complicado para a organização controlar o numero de vezes que a pessoa poderia votar.

Uns dos erros nesse foi pelo facto que a organização não ter esclarecido sobre o sistema de votação na pagina e nem tão pouco foi citados as categorias e os artistas que participavam no concurso por isso foi complicado votar nestas condições.

2 – VOTAÇÃO DO PÚBLICO QUE NÃO É USUARIO DE INTERNET

Esse foi a grande maioria do público que poderia votar e que foram esquecidos no sistema de votação do AMA, pois trata-se da maior parte da população angolana que ouvem a música angolana, infelizmente não puderam votar e esperaram apenas para ver os seus favoritos a perderem prémios com músicos que tiveram familiares amigos e conhecidos com condições de votar na internet e tristeza para os músicos que não tiveram essa sorte infelizmente não ganharam nada.

3 – ANTECIPAÇÃO DE AGRADECIMENTO NOS VIDEOS DOS VENCEDORES QUE NÃO ESTIVERAM PRESENTE NA CERIMONIA

Isto realmente demonstra que é uma farsa, pois eles já sabiam que ganharam prémios e por isso não puderam comparecer e rirem-se dos outros que não sabiam e que estavam no local ansiosos em receber prémios porque estavam confiantes no publico em geral  e do seu sucesso, tal como os músicos  Nerú Americano, Bebo Clone, Puto Prata e tantos outros, que demonstraram o seu descontentamento  com a premiacao em algumas categorias a destacar do melhor kuduro premio arrebatado pelo Grupo os THE TWINS com a musica mão na cabeça.

4- GRAFICOS RELAVAM TUDO SOBRE A VOTAÇÃO NOS SISTEMAS

De acordo com as pesquisas feitas pela minutosdefama.net nas ferramentas do Google trends para analisar o comportamento do publico com relação ao acesso e pesquisa da plataforma de votação do Angola Music Awards  2017 www.angolama.com  e da pagina facebook @angolamusicawards durante a  1ª fase que começou em Abril e a 2ª fase que começou em Maio e terminou em Junho e até  17  o dia de entrega de prémios.

 

Gráfico do comportamento do público internauta na pesquisa e acesso da plataforma Angola Music Awards 2017

 

O gráfico do Google trends demonstra o comportamento do publico internauta que acessaram a plataforma do site Angola Music Awards 2017, durante o período do inicio das votações dia 3 de Abril de 2017 até ao termino do concurso, foi constatado que a nível mundial o pico máximo do gráfico subiu 18 % somente no dia 27/05/2017 e 100% no dia 18/06/2017 depois do termino do concurso. Neste caso podemos notar que a maioria do publico só estava interessado em saber o resultado e abstendo-se nas votações.

Com este resultado podemos concluir que 82% do público internauta não votaram na plataforma do Angola Music Awards e 18 % votaram com maior destaque do público de Luanda.

 

Gráfico de comparação publico internauta na pesquisa e acesso da plataforma Angola Music Awards Vs Facebook grátis

 

 

 

O gráfico do Google trends demonstra o comportamento do publico internauta que acessaram a plataforma do site Angola Music Awards 2017  em comparação com  o publico que acessaram o facebook grátis em Angola  durante o período do inicio das votações  dia 3 de Abril de 2017 até ao termino do concurso, foi constatado que a nível de Angola usa-se muito o facebook grátis e naquele momento de votação a maior parte do público  internauta que poderiam votar estavam acessar o facebook grátis e  o pico máximo do gráfico máximo do gráfico chegou a  subir 100 % no dia principio do mês de Maio e deixando pra baixo a plataforma Angola Music Awards 2017 muito abaixo além do esperado.

Para constatarmos de que se os votos alcançados na votação final dos premiados, se teve origem no facebook. Então visitamos a página @angolamusicawards Infelizmente não constatamos nenhuma seriedade na votação.

Com este resultado podemos concluir com uma pergunta que não se quer calar

Donde veio os votos suficiente para concluir que os que foram votados no concurso Angola Music Award são melhores na escolha do publico em geral?

 

A CRISE TAMBÉM AFECTOU O MERCADO DA MUSICA ANGOLANA

 

 

No passado os artistas angolanos estavam na ribalta quando se tratava de vendas de trabalhos discográficos, Shows etc. Hoje o cenário que se vive e de estrema tristeza onde muitos músicos estão aposentando-se por falta de oportunidades para gravar álbum ou seja mesmo que apareça um patrocinador parar assumir todas as despesas de gravação e venda do disco, com certeza que não sairá satisfeito com as vendas devido a fraca aderência dos consumidores que mudaram o seu comportamento no gasto do seu dinheiro.

No primeiro trimestre de 2017 alguns artistas angolanos de renome venderam as suas obras discográficas no valor de 500kz, mesmo assim não houve muita aderência na compra.

Neste momento alguma dezena de artistas Angolanos já consegue ganhar dinheiro com as suas músicas através de vendas nas principais lojas virtuais do mundo, pois a www.minutosdefama.net ajuda realizar esse intercâmbio  entre os artistas e o mercado digital online com vista distribuir o trabalho os seus trabalhos nas plataformas e de acordo com as vendas nestas lojas o artista recebe a sua comissão. Uma experiência que tem estado a evoluir paulatinamente na mente de alguns com visão para continuar sobrevivendo através da sua música. 

 

RSS feed